Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/39290
Title in Portuguese: Estudo das alterações de peso e composição centesimal do camarão mantido em solução salina resfriada
Author: Ripardo, Mielli Ximenes
Advisor(s): Maia, Everardo Lima
Keywords: Camarão (Crustáceo) - Brasil, Nordeste
Camarão (Crustáceo) - Criação
Engenharia de Pesca
Issue Date: 2007
Citation: RIPARDO, Mielli Ximenes. Estudo das alterações de peso e composição centesimal do camarão mantido em solução salina resfriada. 2007. 30 f. Monografia (Graduação em Engenharia de Pesca)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2007.
Abstract in Portuguese: O camarão rosa Farfantepenaeus subtilis Pérez-Farfante, 1967, é capturado no Norte e Nordeste do Brasil. Parte da produção é desembarcada em Fortaleza-Ceará para beneficiamento e/ou posterior exportação, outra parte é vendida in natura no mercado interno da capital cearense em tradicionais pontos de venda de pescado. Sua ótima aceitação pelos consumidores, devido ao seu sabor, garantem um preço alto comparado ao camarão cultivado em carcinicultura. No entanto na comercialização é comum a conservação de camarão em soluções salinas resfriadas. Para analisar as conseqüências deste processamento duas diferentes amostras de camarão rosa, Farfantepenaeus subtilis Pérez-Farfante, 1967, foram mantidas em solução salina para verificar as alterações desse tratamento sobre seu valor nutritivo e peso final. Cada amostra foi dividida em seis lotes, cujos pesos iniciais foram anotados. O lote 1 de cada amostra foi analisado sem receber qualquer tratamento. Os lotes 2, 3, 4, 5 e 6 foram analisados em intervalos de 2 dias de permanência em solução salina a 3%, na temperatura de 0,5°C, sendo registrados seus respectivos pesos finais. Foram feitas determinações da composição química centesimal, teor de sal e ganho de peso. Os valores de umidade, cloreto de sódio e cinza cresceram com o tempo de permanência em solução salina, enquanto que os níveis de proteína bruta e lipídio decresceram, em todos os lotes. Foram observados consideráveis ganhos de peso do produto final, em todos os lotes submetidos ao tratamento, de todas as amostras, cujo crescimento foi em função direta do tempo de permanência em salmoura, tendo sido observado em dez dias de estocagem 18,3% de aumento de peso e diminuição de 47,5% de proteína total, ocasionando perca econômica e nutricional.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/39290
Appears in Collections:ENGENHARIA DE PESCA - Trabalhos Acadêmicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2007_tcc_mxripardo.pdf31,76 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.