Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/3892
Title in Portuguese: A igreja católica no processo de formação da classe trabalhadora
Title: The Catholic Church in the process of formation of the working class
Author: Albuquerque, Ronald de Figueiredo e
Advisor(s): Barreto, Sônia Pereira
Keywords: Igreja Católica
Teologia da Libertação
Comunidades Eclesiais de Base
Sujeito Histórico
Política
Catholic Church
Liberation Theology
Basic Ecclesial Communities
Historical Subject
Politics
Comunidades eclesiais de base - Crateús(CE)
Igreja e problemas sociais - Crateús(CE) - Igreja Católica
Teologia da libertação - Crateús(CE)
Crateús(CE) - Política e governo
Issue Date: 2012
Publisher: www.teses.ufc.br
Citation: ALBUQUERQUE, Ronald de Figueiredo e. A igreja católica no processo de formação da classe trabalhadora. 2012. 263f. Tese (Doutorado)- Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Educação, Programa de Pós-graduação em Educação Brasileira, Fortaleza(CE), 2012.
Abstract in Portuguese: O presente trabalho expõe o processo pelo qual passou a Igreja Católica ao voltar-se para a sociedade e nela comprometer-se com os mais pobres. Sua inserção entre os segmentos populares propiciou a organização desses, ao mesmo tempo, que permitiu refletir sobre a ação da Igreja Católica. Essa reflexão mudou a práxis política de religiosos e leigos que passaram a ver a Igreja como instrumento privilegiado de mudança social e política, já que ela é uma instituição presente em todos os recantos conformando a população de modo geral. Relevo também, o papel dos segmentos populares, que não apenas sofrem a ação da Igreja, mas que exercem sobre ela um papel crítico, capaz de contaminar setores da Igreja Católica, fazendo-os rever posições e definir ações mais pertinentes com a realidade dos segmentos populares. Nesse trabalho, analiso do percurso da igreja Católica no Brasil, quando, paulatinamente, alguns segmentos de sua hierarquia vão se inserindo nas lutas do povo, revelando os processos de dominação e submissão em vigor, forçando uma tomada de posição da Igreja que acaba por repercutir no Vaticano II. A partir dele abre a Igreja para sua inserção histórica comprometida com os pobres, é a Igreja dos pobres como bem define a Teologia da Libertação e que se faz presente na organização das Comunidades Eclesiais de Base. Friso que as comunidades se colocam de forma mais expressiva e política principalmente, a partir, dos anos da ditadura militar. Essa peculiaridade faz com que alguns intelectuais acreditem que a presença política das comunidades é uma consequência do fechamento dos espaços políticos formais, sindicatos e partidos políticos. A tese que defendo, a partir da Diocese de Crateús, é que são espaços de encontro, e por serem espaços de encontro se transformam em espaços de inserção social e política que a Igreja vem assumindo desde os anos de 1950. Crateús é uma demonstração clara de que as comunidades são espaço de encontro e, por isso mesmo, políticos, espaços da fala ativa e crítica em função de uma Igreja que se coloca aberta à fala do povo, estimulando-o à participação nas ações definidas nas Comunidades. São as 7 CEBs, em função disso, espaços de educação política que ainda hoje repercute na ação dos segmentos populares. A metodologia utilizada foi o contato direto com os trabalhadores, que participaram de CEBs, com a Igreja, padres, religiosas, agentes de pastoral, coordenadores e sindicalistas, através de entrevistas individuais e coletivas, da análise de documentos escritos e livros, da participação em reuniões e visitas a algumas instituições criadas a partir da ação dos membros das CEBs.
Abstract: The present work describes the process by which the Catholic Church turns its attention to society and commits itself to the poorest. This commitment helped organize the popular segments, while at the same time, it allowed a reflection on the action of the Catholic Church itself. This reflection has changed the political praxis of religious and lay people who came to see the Church as a privileged instrument of social and political change, since it is an institution present in every corner shaping the population in general. I stress also, the role of popular segments, which not only suffer the action of the Church, but exert back on it a critical role, capable of influencing sectors of the Catholic Church, causing them to review positions and define actions more relevant to the reality of the popular segments. In this work, I analyze the trajectory of the Catholic Church in Brazil, when, gradually, some segments of its hierarchy take part in the struggles of the people, revealing the processes of domination and submission in place, forcing an official position of the Church that ultimately impacts Vatican II. Afterwards, the Church, historically, becomes committed to the poor--it is the Church of the poor, as well defines the liberation theology. This commitment leads to the organization of the Basic Ecclesial Communities (BECs). These communities become more expressive politically, primarily, from the years of military dictatorship. This peculiarity makes some scholars believe that the political presence of the CEBs is a consequence of the closure of formal political spaces such as unions and political parties. The thesis that I defend, based on studies of the Diocese of Crateús, is that the BECs are meeting spaces that are transformed into spaces of social and political activities that the Church has taken control of since the 1950s. Crateús is a clear demonstration that communities are gathering spaces and, therefore, political spaces of active and critical speech in a church that stands open to talking to the people, encouraging them to participate in the actions defined in the communities. BECs are, as a result, spaces of political education that still reverberate in the action of popular strata. The methodology used was based on direct contact with the workers who participated in BECs with the 9 Church, priests, nuns, pastoral workers, union members and coordinators, through individual and group interviews, analysis of documents and books, participation in meetings and visits to some institutions created through the action of BEC members.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/3892
metadata.dc.type: Tese
Appears in Collections:PPGEB - Teses defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2012_Tese_RFeAlbuquerque.pdf1,09 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.