Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/38185
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorVieira, Regine Helena Silva dos Fernandes-
dc.contributor.authorCesário, Giuseppe de Souza-
dc.date.accessioned2018-12-19T15:38:23Z-
dc.date.available2018-12-19T15:38:23Z-
dc.date.issued2007-
dc.identifier.citationCESÁRIO, Giuseppe de Souza. Susceptibilidade de algumas espécies de vibrio isoladas da hemolinfa de camarões Litopenaeus vannamei a diferentes antimicrobianos. 2007. 45 f. Monografia (Graduação em Engenharia de Pesca)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2007.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/38185-
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectCamarão (Crustáceo) - Brasil, Nordestept_BR
dc.subjectCamarão - Criaçãopt_BR
dc.subjectCamarão - Hemolinfapt_BR
dc.subjectEngenharia de Pescapt_BR
dc.titleSusceptibilidade de algumas espécies de vibrio isoladas da hemolinfa de camarões Litopenaeus vannamei a diferentes antimicrobianospt_BR
dc.typeMonographpt_BR
dc.description.abstract-ptbrEste estudo teve como objetivo avaliar o comportamento de 27 cepas de Vibrio quanto à susceptibilidade a 10 antimicrobianos. Para a realização do teste antimicrobiano foram utilizadas 27 cepas de Vibrio isoladas da hemolinfa de camarão Litopenaeus vannamei provenientes de três fazendas de cultivo localizadas nas cidades de Acaraú, Aracati e Granja, municípios do Estado do Ceará. Foram utilizadas cinco cepas de V. alginolyticus, uma de V. carchariae, doze de V. harveyi, uma de V. vulnificus e oito de V. parahaemolyticus. Todas as cepas apresentaram sensibilidade para Ciprofloxacin, Cloranfenicol, Florfenicol, Ácido nalidíxico, Nitrofurantoína e Sulfazotrim. Vinte e cinco cepas (92,59%) apresentaram sensibilidade para Oxitetraciclina e Tetraciclina e vinte e duas (81,48%) para Amicacina. Vinte cepas (74,07%) apresentaram resistência para Ampicilina e duas (7,41%) foram resistentes tanto para Oxitetraciclina como Tetraciclina. Cinco cepas (18,51%) apresentaram comportamento intermediário frente a Amicacina e uma a Ampicilina. Uma cepa de V. harveyi apresentou múltipla resistência aos antimicrobianos Ampicilina, Oxitetraciclina e Tetraciclina. Com base nos resultados obtidos, constatou-se que a maioria das cepas das diferentes espécies testadas (74,07%) foram resistentes a Ampicilina e que a sensibilidade das cepas de Vibrio isoladas da hemolinfa de Litopenaeus vannamei apresentou-se alta à maioria dos antibióticos testados. A múltipla resistência também foi constatada neste estudo. É preciso que sejam adotadas medidas preventivas contra o abuso de drogas nas fazendas de cultivo, como a realização de testes para traçar o perfil de resistência aos antimicrobianos e principalmente atentar para um manejo adequado nos cultivos.pt_BR
Appears in Collections:ENGENHARIA DE PESCA - Trabalhos Acadêmicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2007_tcc_gscesario.pdf55,57 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.