Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/37986
Title in Portuguese: Reversão sexual de pós-larvas da tilápia do nilo (oreochromis rüloticus) alimentadas com ração não convencional à base de soja e milho, tendo como termo de comparação uma ração comercial, nutricionalmente completa
Author: Peixoto Junior, José Guimarães
Advisor(s): Freitas, José Wilson Calíope de
Keywords: Tilápia (Peixe)
Tilápia-do-Nilo-Criação
Tilápia-do-Nilo-Reversão sexual
Engenharia de Pesca
Issue Date: 2008
Citation: PEIXOTO JUNIOR, José Guimarães. Reversão sexual de pós-larvas da tilápia do nilo (oreochromis rüloticus) alimentadas com ração não convencional à base de soja e milho, tendo como termo de comparação uma ração comercial, nutricionalmente completa. 2008. 38 f. Monografia (Graduação em Engenharia de Pesca)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2008.
Abstract in Portuguese: O presente trabalho trata-se de um estudo comparativo da reversão sexual (masculinização) de pós-larvas da tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) praticada com dois tipos de rações acrescidas de 60 mg do hormônio masculinizante 17-a-metiltestosterona/kg, sendo uma não convencional, a base de soja e milho e outra comercialmente vendida e nutricionalmente completa para a avaliação do desempenho no processo de reversão sexual. No desenvolvimento desse processo, foram observados os parâmetros limnológicos como: temperatura, oxigênio dissolvido e transparência da água. A única variável a ser analisada com relação ao desempenho dos peixes foram as duas diferentes rações nessa etapa de reversão sexual. Dessa forma, objetivou-se identificar qual das rações apresentaria melhor resultado, no ganho de peso médio, crescimento, na biomassa final, e sobrevivência. Os resultados das análises químicas dos ingredientes da ração não convencional (soja e milho) apresentaram-se compatíveis com os valores citados na literatura. Na formulação da ração não convencional, calculada através do método do Quadrado de Pearson, verifica-se uma composição apresentando elevada participação da soja (67,40%) em relação ao milho (30,45%), o que pode ter proporcionado um balanço inadequado entre os aminoácidos desses dois ingredientes. Nas análises de ganhos de peso, as rações não apresentaram diferenças estatisticamente significantes. Após a realização deste trabalho, pode-se concluir que a ração não convencional, apesar de ter apresentado desempenho um pouco inferior em relação à ração comercial, para o ganho de peso médio, não obteve diferenças estatísticas significativas e quando comparada com outros experimentos, utilizando dietas com composição à base de soja e milho, apresentou bons resultados.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/37986
Appears in Collections:ENGENHARIA DE PESCA - Trabalhos Acadêmicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2008_tcc_jgpeixotojunior.pdf40,03 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.