Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/37713
Title in Portuguese: Avaliação dos indicadores da rede cegonha em um hospital terciário de referência em obstetrícia de Fortaleza
Author: Pontes, Nádia de Souza
Advisor(s): Vasconcelos, Camila Teixeira Moreira
Co-advisor(s): Lopes, Lia Gomes
Keywords: Obstetrícia
Serviços de Saúde Materno-Infantil
Issue Date: 2018
Citation: PONTES, N. S. Avaliação dos indicadores da rede cegonha em um hospital terciário de referência em obstetrícia de Fortaleza. 2018. 37 f. Monografia (Graduação em Enfermagem) – Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2018.
Abstract in Portuguese: O presente estudo tem como objetivo avaliar as taxas de boas práticas no componente parto e nascimento preconizadas pelo Ministério da Saúde (MS), através dos indicadores da Rede Cegonha, executadas pelo Hospital Geral de Fortaleza, que é um hospital terciário da rede estadual referência em atendimento ginecológico e obstétrico localizado em Fortaleza/CE. Trata-se de um estudo observacional do tipo transversal, com abordagem quantitativa, realizado no Centro Obstétrico do Hospital Geral de Fortaleza. A amostra foi composta pelos formulários FormSUS, preenchidos com dados coletados através das Fichas de Monitoramento da Atenção ao Parto e Nascimento utilizadas na instituição de todas as mulheres internadas no período de junho de 2013 a março de 2015 e que evoluíram para o parto natural ou cesáreo. Após realizada a coleta, os dados foram analisados durante o período de dezembro de 2017 a junho de 2018. Conforme resultados encontrados, observou-se que na instituição pesquisada, de forma geral, ocorreu um aumento da taxa dos indicadores preconizados pela rede cegonha para as boas práticas no componente parto e nascimento, como o uso de métodos não - farmacológicos para alívio da dor, o contato pele a pele do recém-nascido com a mãe e a amamentação na primeira hora após o nascimento. No entanto, ainda há uma dificuldade na execução de alguns indicadores, especialmente em relação a baixa taxa de partos realizados por enfermeiros obstetras e ao aumento do uso da ocitocina desde a implementação da rede cegonha no hospital pesquisado. No geral, a Instituição atendeu ao que é preconizado pela Rede Cegonha, uma vez que houve aumento das boas práticas na assistência ao parto e nascimento, ainda que este aumento tenha ocorrido de forma sutil.
Abstract: This study aimed to evaluate the rates of good practices in the parturition and birth component advocated by the Ministry of Health (MS), through the ‘Rede Cegonha’ indicators, performed by the General Hospital of Fortaleza (HGF), which is tertiary Hospital of the State network referral in gynecological and obstetrics care located in Fortaleza/CE. This is an observational cross - selectional study, with a quantitative approach, performed at the obstetrical center of the General Hospital of Fortaleza. The sample was composed of the FormSUS forms filled with date collected through the ‘Ficha de Monitoramento de Atenção ao Parto e Nascimento’ used in the institution of all women hospitalized from June 2013 to march 2015 and who progressed to natural or cesarean parturition. After the collection, the data was analyzed during the period from December 2017 to June 2018. According to the results, it was observed that, in general, there was an increase in the rate of the indicators recommended by the ‘Rede Cegonha’ for the good practices in the parturition and birth component, for example, the use of nonpharmacological methods for pain relief, skin to skin contact of the newborn with the mother and breast feeding in the first hour of the birth. However, there is still a difficult in the execution of some indicators, specially in relation to the low rate in the parturitions performed by obstetrician nurses and the increase of the oxytocin since the implantation of the ‘Rede Cegonha’ in the Hospital. In general, the institution met what is recommended by the ‘Rede Cegonha’ there was an increase in the good practices in the care of parturition and birth, although this increase occurred subtly.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/37713
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:ENFERMAGEM - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_tcc_ndspontes.pdf2,27 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.