Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/37664
Title in Portuguese: Análise comparativa entre o uso de madeira da amazônia e de madeira de floresta plantada para estruturas de cobertura em edificações
Author: Marinho, Yan lucas Lima Feitosa
Advisor(s): Bertini, Alexandre Araújo
Keywords: Madeira
Construção civil
Custo financeiro
Impacto ambiental
Sustentabilidade
Issue Date: 2016
Citation: MARINHO, Y. L. L. F. (2016)
Abstract in Portuguese: A construção civil é um dos setores da cadeia produtiva que mais consomem recursos naturais no país e entre estes materiais mais utilizados, está a madeira. A madeira é utilizada de diversas formas, em usos temporários, como: fôrmas para concreto, andaimes e escoramentos. De forma definitiva, é utilizada nas estruturas de cobertura, nas esquadrias (portas e janelas), nos forros e nos pisos. Para extrairmos este material, geralmente, utilizamos duas fontes de matéria-prima: as florestas nativas e as florestas plantadas, que se destinam a produzir matéria-prima para a indústria. Portanto, uma forma de reverter o consumo excessivo de recursos naturais pela construção civil é a incorporação de práticas que garantam maior durabilidade e menor consumo energético, ou seja, escolhendo produtos e processos mais sustentáveis, isto é, o problema que motivou nossa análise foi a extração intensa e descontrolada de madeira da floresta amazônica para abastecimento da indústria da construção civil. Aliado a necessidade de uso de processos alternativos com menor custo e impacto ambiental. Desse modo, o presente trabalho tem como objetivo realizar uma análise comparativa entre a utilização de madeira da Amazônia e de madeira de floresta plantada, em relação a custo financeiro e impacto ambiental, para estruturas de cobertura em edificações. Assim, para realizar esta análise em relação a esses dois quesitos,utiliza-se como instrumento de apreciação um projeto de uma estrutura de cobertura de um salão de festas para os dois tipos de materiais, calculado para resistir as mesmas ações. Tal projeto foi disponibilizado pela empresa STAMADE Consultoria em estruturas de madeira.Partindo-se dos quantitativos obtidos,mensurou-se os custos financeiros, como materiais e execução, e ambiental, como emissões de fontes não renováveis em quilograma de gás carbônico por metro cúbico de madeira (Kg CO2/ m3).Salientando que os custos financeiros de cada tipo de madeira foram obtidos com base nos valores trabalhados no mercado interno e o de execução com base na tabela da SEINFRA(Secretária da Infraestruturado estado do Ceará). Por fim, realizou-se uma análise comparativa entre a utilização de madeira da Amazônia e de madeira de floresta plantada, em relação a custo financeiro e impacto ambiental, para estruturas de cobertura em edificações.
Abstract: Civil construction is one of the sectors of the productive chain that most consume natural resources in the country and among these most used materials is wood. The wood is used in various forms, in temporary uses, such as concrete forms, scaffolding and shoring. It is permanently used in roofing structures, in frames (doors and windows), in ceilings and floors. To extract this material, we generally use two sources of raw material: native forests and planted forests, which are intended to produce raw material for industry. Therefore, one way of reversing the excessive consumption of natural resources by civil construction is the incorporation of practices that guarantee greater durability and lower energy consumption, that is, choosing more sustainable products and processes, that is, the problem that motivated our analysis was the Intense and uncontrolled extraction of wood from the Amazon forest to supply the construction industry. Together with the need to use alternative processes with lower cost and environmental impact. In this way, the present work aims to perform a comparative analysis between the use of Amazonian timber and planted forest wood, in relation to financial cost and environmental impact, for cover structures in buildings. Thus, to perform this analysis in relation to these two requirements, a design of a roofing structure of a party hall for both types of materials, calculated to resist the same actions, is used as an instrument of appreciation. The company STAMADE Consulting in wooden structures made this project available. Based on the quantitative obtained, financial, material and execution costs and environmental costs were measured as non-renewable sources of emissions in kilograms of carbon dioxide per cubic meter of wood (kg CO2 / m3). Emphasizing that the financial costs of each type of wood were obtained based on the values worked in the domestic market and the execution cost based on the table of SEINFRA (Secretary of Infrastructure of the state of Ceará). Finally, a comparative analysis was carried out between the use of wood from the Amazon and planted forest wood, in relation to financial cost and environmental impact, for cover structures in buildings.
Description: MARINHO, Yan lucas Lima Feitosa. Análise comparativa entre o uso de madeira da amazônia e de madeira de floresta plantada para estruturas de cobertura em edificações. 2016. 88 f. Monografia (Graduação em Engenharia Civil)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/37664
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:ENGENHARIA CIVIL - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016_tcc_yllfmarinho.pdf3,2 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.