Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/36435
Title in Portuguese: A análise de domínio na construção de linguagens documentárias
Author: Morais, Natanna Santana de
Advisor(s): Sobrinho, Heliomar Cavati
Keywords: Análise de domínio
Construção de linguagens documentárias
Tesauro
Domain alalyses
Documentary language construction
Documentary languages
Issue Date: 2018
Citation: MORAIS, Natanna Santana de. A análise de domínio na construção de linguagens documentárias. 2018. 102f. - Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação, Fortaleza (CE), 2018.
Abstract in Portuguese: A pesquisa aponta a necessidade de discutir a Análise de Domínio na etapa de delimitação do domínio, compreendendo os aspectos que influenciam na sua identificação e na sua abordagem prática. Investiga a contribuição da Análise de Domínio na etapa de delimitação do domínio nocional das Linguagens Documentárias. Tem como objetivo geral investigar a Análise de Domínio e suas contribuições para a construção de Linguagens Documentárias. Os objetivos específicos são: apresentar os conceitos e os aspectos que compõem as tendências metodológicas e teóricas da construção de Linguagens Documentárias; apresentar o método terminográfico como instrumento metodológico utilizados nas Linguagens Documentárias; investigar a Análise de Domínio no contexto da Ciência da Informação; e as contribuições da Análise de Domínio no desenvolvimento da etapa de delimitação de domínio na construção de Linguagens Documentárias. A questão que justifica esta pesquisa é responder de que modo a Análise de Domínio contribui na etapa de delimitação do domínio para a construção de Linguagens Documentárias. A pesquisa é exploratória e bibliográfica, utilizando o aporte da abordagem qualitativa e o Funcionalismo como método científico. Contempla uma revisão bibliográfica que apresenta a evolução das Linguagens Documentárias a partir da Linguística Documentária e da Terminologia, além de explicar a inserção da Análise de Domínio enquanto paradigma da Ciência da Informação. Recapitula a função das metodologias terminológicas utilizadas na construção de linguagens de representação. Utiliza a Análise de Conteúdo de Bardin (2011) para viabilizar a análise e o apontamento das categorias e, posteriormente, a discussão dos seus resultados. Por meio das inferências do referencial teórico, os resultados demonstraram que a Análise de Domínio é um paradigma já estabelecido e utilizado em pesquisas, enquanto abordagem que resgata aspectos epistemológicos, ontológicos, socioculturais e terminológicos. Aponta a existência de dois tipos de aplicabilidades metodológicas: a Análise de Domínio Instrumental e a Análise de Domínio Descritiva (TENNIS, 2012) e às 11 possibilidades de abordagem analítica de domínio na Ciência da Informação (HJØRLAND 2002), dentre as quais aquelas que se referem à elaboração de sistemas de classificações e linguagens especializadas para fins de representação. Demonstra a utilização dos elementos e dos eixos apresentados por Tennis (2003, 2012) que simulam o estudo inicial de definição e delimitação de um domínio. Descobriu que a Web of Science, e as ferramentas bibliométricas são utilizadas na Análise de Domínio, possibilitando observar uma determinada comunidade discursiva e seu respectivo domínio. Conclui que a Análise de Domínio trabalha com comunidades discursivas capaz de fornecer a garantia literária, presente nos documentos de uma determinada área de domínio, ou seja, configurando o sistema nocional de uma determinada linguagem. Nessa perspectiva a Análise de Domínio, suas metodologias, instrumentos e técnicas podem contribuir para a delimitação do domínio na construção das Linguagens Documentárias, sendo necessárias mais pesquisas que instrumentalizam esta etapa.
Abstract: The research points out the need to discuss Domain Analysis in the domain delimitation stage, understanding the aspects that influence its identification and its practical approach. It investigates the contribution of Domain Analysis in the delimitation stage of the notional domain of Documentary Languages. Its main objective is to investigate Domain Analysis and its contributions to the construction of Documentary Languages. The specific objectives are: to present the concepts and aspects that make up the methodological and theoretical tendencies of the construction of Documentary Languages; to present the terminological method as a methodological tool used in Documentary Languages; to investigate Domain Analysis in the context of Information Science; and the contributions of Domain Analysis in the development of the domain delimitation stage in the construction of Documentary Languages. The question that justifies this research is to answer in what way the domain analysis contributes in the stage of delimitation of the domain for the construction of Documentary Languages. The research is exploratory and bibliographical, using the contribution of the qualitative approach and Functionalism as a scientific method. It includes a bibliographical review that presents the evolution of Documentary Languages from Documentary Linguistics and Terminology, besides explaining the insertion of Domain Analysis as paradigm of Information Science. It recapitulates the function of the terminological methodologies used in the construction of representation languages. It uses Bardin's Content Analysis (2011) to enable the analysis and the annotation of the categories and, later, the discussion of its results. Through the inferences of the theoretical reference, the results demonstrated that Domain Analysis is a paradigm already established and used in research, as an approach that rescues epistemological, ontological, sociocultural and terminological aspects. It points out the existence of two types of methodological applicability: the Instrumental Domain Analysis and the Descriptive Domain Analysis (TENNIS, 2012) and the 11 possibilities of an analytical approach to the domain of Information Science (HJØRLAND 2002), among which refer to the elaboration of classification systems and specialized languages for representation purposes. It shows the use of the elements and the axes presented by Tennis (2003, 2012) that simulate the initial study of definition and delimitation of a domain. He discovered that the Web of Science, and the bibliometric tools are used in Domain Analysis, allowing to observe a certain discursive community and its respective domain. It concludes that Domain Analysis works with discursive communities able to provide the literary guarantee, present in the documents of a certain domain area, that is, configuring the notional system of a given language. In this perspective the Domain Analysis, its methodologies, instruments and techniques can contribute to the delimitation of the domain in the construction of Documentary Languages, being necessary more researches that instrumentalize this stage.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/36435
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGCI - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_dis_nsmorais.pdf1,33 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.