Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/36024
Title in Portuguese: Relações de poder institucionais e prática de assessoria no movimento de educação de base
Author: Sousa, Carlos Ângelo de Meneses
Advisor(s): Damasceno, Maria Nobre
Keywords: Relalões de poder
Práticas de assessoria
Educação de base
Participação institucional
Issue Date: 1999
Citation: Sousa, C. A. M.; Damasceno, M. N. (1999)
Abstract in Portuguese: Esta dissertação possui como foco central de pesquisa a maneira como são geradas as relações de poder no Movimento de Educação de Base - MEB. tanto em seus espaços internos quanto na assessoria às organizações populares. Procura compreender como as marcas ideológicas e históricas da Igreja Católica no Brasil se fazem presentes no MEB, interferindo e/ou condicionando suas relações de poder. bem como analisa algumas formas de exercício de poder existentes na instituição e suas concepções sócio-políticas e pedagógicas que alicerçam a prática de assessoria pedagógica. A pesquisa priorizou o período de 1993 a 1998 e o MEB na diocese de Picos(PI), Nordeste brasileiro, embora não se restrinja aos mesmos. Com base em Gramsci, na concepção dialética da história e nas categorias analíticas da contradição e hegemonia, discorre sobre os limites e possibilidades da construção de práticas sociais democráticas. Conclui que na contradição dos espaços institucionais do MEB e suas práticas de assessoria, tanto há reprodução de relações sociais autoritárias, quanto construção de relações sociais democráticas; que é necessário o MEB potencializar a formação da sua assessoria numa perspectiva crítica, com fundamentação científica, sem perder, contudo, a relação direta com as organizações populares em vista da consubstanciação do saber e poder popular das mesmas na construção de uma sociedade justa e democrática.
Abstract: The main focus of this dissertation is the study about how relations of power in the Base Education Movement - MEB are generated, concerning its internal spaces and the assistance to popular organizations. It searches the comprehension about how the Catholic Church of Brazil's ideological and historical signs are present and influence or/and condition the MEB's relations of power. It still analyses some mechanisms of exercises of power in that institution, as well as its social, political and pedagogic conceptions on which its practice of pedagogic assistance is based. The research gave priority to the period of time between 1993 and 1998, and to the diocese of Picos, in Piauí, in the Brazilian Northeast; however. it is not limited to them. Based on Gramsci, Dialectical Conception of History and on analytical categories: Contradiction and Hegemony, it discusses the limits and possibilities to build democratic social practices. It come to the conclusion that in the MEB's institutional spaces and in its practices of assistance, there is, at the same time, the reproduction of authoritarian social relations and the implementation of democratic social one. The work reveals the MEB's need to strengthen its board of assistance's formation in a critical prospective and with scientific background, however, not ignoring the direct relation with popular organizations, in order to integrate their popular knowledge and power in the construction of a fair and democratic society.
Description: SOUSA, Carlos Ângelo de Meneses. Relações de poder institucionais e prática de assessoria no movimento de educação de base. 1999. 102f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Mestrado em Educação, Fortaleza (CE), 1999.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/36024
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGEB - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
1999_dis_camsousa.pdf66,93 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.