Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/35013
Title in Portuguese: Comparação do comportamento da concentração de nitrito em águas subterrâneas em duas estações: seca e chuvosa
Author: Sousa, Germana Menezes
Advisor(s): Lopes, Gisele Simone
Co-advisor(s): Sampaio, Erika de Almeida
Keywords: Nitrito
Água subterrânea
Estação seca e chuvosa
Qualidade da água
Issue Date: 2018
Citation: SOUSA, G. M. (2018)
Abstract in Portuguese: O estado do Ceará está inserido quase em sua totalidade no chamado polígono das secas, com regime pluviométrico marcado por uma irregularidade de chuvas no tempo e no espaço, o que representa a principal condicionante favorável ao aproveitamento dos recursos naturais, a recarga dos aquíferos e principalmente na qualidade de vida do ser humano. Com essas irregularidades, as águas subterrâneas se tornam uma alternativa como fonte de água para abastecimento público. Por essa razão, torna-se necessário a verificação da qualidade dessa água. O estudo do íon nitrito é importante na avaliação da qualidade da água por se tratar de um indicativo de poluição. Dentre as condicionantes geoambientais (clima, relevo, solo, recursos hídricos), a concentração do íon nitrito poderá ser mais ou menos elevada devido às mudanças na composição das águas que são influenciadas por fatores diversos, como: chuvas, ventos, área de entorno do manancial, entre outros. Baseado nesse contexto, essa pesquisa teve como principal objetivo comparar as concentrações do íon nitrito em águas subterrâneas em duas estações, seca e chuvosa, para uma avaliação do comportamento desse íon nas águas subterrâneas, já que sendo o íon nitrito um indicativo de poluição, poderá ocasionar sérios danos à saúde humana, principalmente em locais onde a população utiliza essa fonte de águas sem tratamento. Foram coletadas dez amostras de águas subterrâneas, sendo cinco amostras na estação seca e cinco na estação chuvosa, que foram analisadas no Laboratório de Química Ambiental da Fundação Núcleo de Tecnologia Industrial do Ceará e para a determinação de nitrito, seguiu-se a metodologia descrita AMERICAN PUBLIC HEALTH ASSOCIATION, 2012. Os resultados obtidos mostraram que as concentrações de nitrito em águas subterrâneas durante a estação chuvosa, foram mais elevadas do que na estação seca e que as concentrações desses íons nas águas subterrâneas na estação chuvosa, 100% estavam em desacordo com os padrões estabelecidos pela Resolução nº 396/08 do CONAMA. De acordo com pesquisas realizadas, o íon nitrito acima do Valor Máximo Permitido pode causar uma doença chamada síndrome do bebê azul em crianças e em adultos são precursores das células cancerosas no intestino.
Description: SOUSA, Germana Menezes. Comparação do comportamento da concentração de nitrito em águas subterrâneas em duas estações: seca e chuvosa. 2018. 32 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química Bacharelado)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2018.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/35013
Appears in Collections:QUÍMICA - BACHARELADO - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_tcc_gmsousa.pdf708,65 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.