Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/34877
Title in Portuguese: A língua inglesa como ferramenta do Secretário Executivo
Author: Gonçalves, Otávio Bessa
Advisor(s): Andrade, Paulo Roberto Nogueira de
Keywords: Secretariado
Língua inglesa - Formação profissional
Issue Date: 2016
Citation: GONÇALVES, Otávio Bessa. A língua inglesa como ferramenta do Secretário Executivo. 2016. 48 f. TCC (graduação em Secretariado Executivo) - Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Economia, Administração, Atuária e Contabilidade, Fortaleza/CE, 2016.
Abstract in Portuguese: O inglês é atualmente a língua mais utilizada quando se trata do mundo corporativo do Ocidente em uma escala internacional. Desta forma, se torna necessário que os profissionais do meio organizacional procurem o domínio da língua. Essa necessidade da maestria da mesma; se torna ainda mais relevante quando tratamos da profissão de secretariado executivo, que lida com aspectos da linguagem dentro da empresa. Para averiguarmos quais exatamente são essas atribuições incumbidas a essa classe, este trabalho tem o intuito de apontar as aplicações da língua inglesa para o secretariado; qual o perfil procurado pelo mercado e como se dá a formação deste profissional bilíngue. Posterior a um levantamento bibliográfico fundamental para mapear o tema a ser estudado, foi-se então conduzida uma entrevista qualitativa com duas secretárias executivas bilíngues com perfis distintos para coleta de experiências reais dentro do mercado de trabalho e a visão das mesmas a respeito desta ferramenta, seu uso e os efeitos da língua inglesa na formação e área de atuação do secretariado. As respostas das participantes foram então analisadas individualmente, entre si e com os estudos bibliográficos, interpretados no seu impacto para a profissão. Muitos aspectos respondidos coincidiam com a pesquisa documental, assim como as funções e aplicabilidade do inglês para o secretariado. Porém, uma grande discrepância foi encontrada na formação acadêmica em questão regional e às demandas do mercado corporativo. Descobriu-se uma disfunção em parte das cadeiras de inglês da graduação em preparar os estudantes para as necessidades do mercado de trabalho, tendo esses que procurarem meios externos para suprir essa carência. Levando-se em conta tais aspectos, foram apresentadas hipóteses baseadas nos dados levantados sobre a ferramenta do inglês e como ela influencia a profissão do secretário executivo.
Abstract: English is currently the language most utilised in the western corporative scene on a global escale. This way, it becomes necessary that the professionals of the business market try to master it.This need to improve themselves becomes even more relevant when speaking of the executive secretaryship job, which deals with the aspects of the language in a organizatian.To discover what exactly are these atributions of the class, this research has the intent of pointing the aplications of the English language for the executive secretary, what is the profile looked for in the market and how the academic formation of this bilingual professional is. After a fundamental bibliographical research to map the theme to be studied, a qualitative interview was conducted with two bilingual executive secretaries with a profile distinct to gather real experiences from inside an organization and their visions about this tool,its use and effect on the academic formation and area of aplication of the job. The participants’ answers were then analised individualy, between each other and with the biblliographical studies and interpreted within the impact to the profession. Many aspects answered coincided with the documental research like the functions and aplicabilities of the enligsh language for a secretary. However, a big discrepancy was found on the matter of the academic formation, the demands from the market and regional differences. A disfunction in the graduation’s English classes was found in preparing the students for the market’s demands,making the bachelors have to look for external meanings to supply these needs. Taking into account these aspects, there were presented hypothesis based on the data found about the English language as a tool and how it influences the executive secretaryship profession.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/34877
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:SECRETARIADO EXECUTIVO - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016_tcc_obgonçalves.pdf454,29 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.