Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/34505
Title in Portuguese: Avaliação de comunicabilidade do portal coordenação do SIGAA em plataforma web
Author: Melo, Diogo Nazareno Almeida de
Advisor(s): Monteiro, Ingrid Teixeira
Keywords: Interação homem-máquina
Avaliação
Software
Issue Date: 2018
Citation: MELO, Diogo Nazareno Almeida de. Avaliação de comunicabilidade do portal coordenação do SIGAA em plataforma web. 106 f. TCC (Graduação em Engenharia de Software) Universidade Federal do Ceará, Campus de Quixadá, Quixadá, 2018.
Abstract in Portuguese: Com o crescimento e desenvolvimento de Instituições de Ensino Superior, há cada vez mais uma grande necessidade de adotar um sistema de informação acadêmico para gerir a universidade no que diz respeito a pessoas e processos. Como exemplo de sistema acadêmico temos o SIGAA, o qual foi desenvolvido e implantado pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e que depois de alguns anos chegou à Universidade Federal do Ceará (UFC). Dentro desse sistema, existem vários módulos, dentre eles o de Graduação, que dá acesso ao Portal Coordenação, alvo da nossa pesquisa. Nesse portal, coordenador, vice- coordenador e secretário administram um curso da UFC. Com tantas funções nesse portal, como o sistema as apresenta e as organiza? Será que os usuários conhecem todas e sabem utilizá-las corretamente? Para responder essas perguntas sobre o uso e a interface, é necessário realizar uma pesquisa de Interação Humano-Computador (IHC) sobre comunicabilidade. Para isso, escolhemos dois métodos para guiar a pesquisa: o Método de Inspeção Semiótica (MIS) e o Método de Avaliação de Comunicabilidade (MAC). Os dois métodos foram aplicados em conjunto, para que os resultados se complementassem. A diferença entre eles é que o MIS foi realizado apenas pelo avaliador, que inspecionou a interface em busca de problemas, e o MAC envolveu oito usuários, de diferentes perfis e áreas de ensino da UFC. Foi possível concluir através dos resultados que muitos usuários não conheciam certas funções do portal ou não lembravam do caminho que um dia realizaram. Mesmo observando que os designers se preocupavam em deixar o usuário a par do que ele estava realizando, essas explicações não conseguiam chegar de forma efetiva ao usuário e estes tiveram dificuldades tanto na procura de algumas opções quanto na execução de algumas tarefas. Alguns problemas foram evidenciados nos resultados dos dois métodos e foram reafirmados na entrevista. Portanto, podemos dizer que os usuários só possuíram desempenho bom nas funções que já conheciam e tiveram dificuldade de executar funções as quais eles não conheciam, sugerindo pontos de melhoria no sistema.
Abstract: With the growth and development of Higher Education Institutions, there is an increasing need to adopt an academic information system to manage the university with respect to people and processes. As an example of an academic system we have SIGAA, which was developed and implemented by the Federal University of Rio Grande do Norte (UFRN) and that after a few years arrived at the Federal University of Ceará (UFC). Within this system, there are several modules, among them the Graduação (undergraduate), which gives access to the Portal Coordenação (coordination portal), the target of our research. In this portal, coordinator, deputy coordinator and secretary administer a UFC undergraduate course. With so many functions on this portal, how does the system present and organize them? Do the users know all of them and know how to use them correctly? To answer these questions about the use and the interface, it is necessary to conduct a Human-Computer Interaction (HCI) research on communicability. For this, we chose two methods to guide the research: the Semiotic Inspection Method (SIM) and the Communicability Evaluation Method (CEM). The two methods were applied together, so that the results would complement each other. The difference between them is that the SIM was only performed by the evaluator, who inspected the interface for problems, and the CEM involved eight users, from different profiles and teaching areas of the UFC. It was possible to conclude from the results that many users did not know certain functions of the portal or they did not remember the way that one day did. While observing that designers were concerned with letting the users know what they were doing, in many cases, these explanations were not able to reach the users effectively, and they had difficulty in finding some options as well as performing certain tasks. Some problems were evidenced in the results of the two methods and were reaffirmed in the interview. Therefore, we can say that the users only had good performance in the functions that they already knew and they had difficulty to execute functions that they did not know, suggesting points of improvement in the system.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/34505
Appears in Collections:ENGENHARIA DE SOFTWARE - QUIXADÁ - TCC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_tcc_dnamelo.pdf3,41 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.