Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/31933
Title in Portuguese: Análise do risco sísmico para estruturas de uso essencial no Brasil
Author: Castillo, Hilda Stephanny Santos
Advisor(s): Araújo, Tereza Denyse Pereira de
Keywords: Engenharia de estruturas
Análise de vulnerabilidade
Estruturas de concreto
Sísmos
Seismic risk
Pushover analysis
Vulnerability
Concrete structures
Issue Date: 26-Mar-2018
Citation: CASTILLO, H. S. S. Análise do risco sísmico para estruturas de uso essencial no Brasil. 2018. 165 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Civil)-Centro de Tecnologia, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil: Estruturas e Construção Civil, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2018.
Abstract in Portuguese: Ao longo do tempo, os fenômenos naturais têm resultado em múltiplas perdas humanas, econômicas e milhões de desabrigados. Destes fenômenos, os sismos são alguns dos mais imprevisíveis. A fim de reduzir estas perdas, desenvolveram-se várias metodologias para a análise do risco sísmico, nas quais a avaliação da vulnerabilidade sísmica representa a etapa fundamental. A escolha do método depende principalmente das características sísmicas da zona em estudo. O território brasileiro, por se encontrar na região intraplacas, apresenta baixa atividade sísmica, portanto, o Método do Espectro da Capacidade (CSM – Capacity Spectrum Method) é o que melhor se adapta a estas condições. Esse é um método quantitativo e é um dos mais usados em todo o mundo. O objetivo desse trabalho consiste em avaliar o risco sísmico de estruturas modelos inseridas em regiões sísmicas classificadas segundo a Norma de Projeto de Estruturas Resistentes a Sismos (NBR 15421:2006). São quatro estruturas modelos que representam os edifícios de uso essencial, variando o número de pavimentos e a configuração estrutural em termos de irregularidades horizontal e vertical. Os resultados obtidos da análise do risco são apresentados em formas de gráficos que mostram o índice de dano global (ID), para cada estrutura e em cada zona estudada. Os IDs obtidos mostraram a importância da configuração estrutural para reduzir o risco sísmico neste tipo de estruturas.
Abstract: Over time, the natural phenomena have resulted on many human, economic and millions of homeless losses. Among these phenomena, the earthquakes are some of the most unpredictable. To reduce these losses, several methodologies for the seismic risk analysis have been developed in which the vulnerability assessment represents a fundamental step. The choice of method to evaluating the structure vulnerability due to a determined seismic action depends mainly of the seismic characteristics of the zone under study. The Brazilian territory is in inter-plates region presenting low seismic activity. The Capacity Spectrum Method (CSM) is best suited to these conditions. This is a quantitative method and is one of the most used in the world. The objective of this work is to evaluate the seismic risk of model structures inserted in seismic regions classified according to the Earthquake Resistant Structures Design Code (NBR 15421:2006). There are four model structures that represent the buildings of essential use, varying the number of floors and the structural configuration in terms of horizontal and vertical irregularities. The results obtained from the risk analysis are presented in graphs that show the global damage index (ID), for each structure and in each zone studied. The obtained IDs show the importance of the structural configuration in these buildings, when reducing the seismic risk is treated.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/31933
Appears in Collections:DECC - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_dis_hsscastillo.pdf6,62 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.