Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/31907
Title in Portuguese: Contextualizando a transposição do rio São Francisco: considerações sobre a integração entre o projeto e demandas das comunidades rurais
Title: Contexting the transposition of the São Francisco river: considerations about an integratyion between the project and the demands of rural communities
Author: Silva, Everton Nogueira
Lima, Patrícia Verônica Pinheiro Sales
Casimiro Filho, Francisco
Keywords: Gestão
Políticas públicas
Transposição
Issue Date: 2017
Publisher: Enciclopédia BIOSFERA
Citation: SILVA, Everton Nogueira; LIMA, Patrícia Verônica Pinheiro Sales; CASIMIRO FILHO, Francisco. . Contextualizando a transposição do rio São Francisco: considerações sobre a integração entre o projeto e demandas das comunidades rurais. Enciclopédia BIOSFERA, Goiânia, v. 14, n. 25, p. 1772-1787, 2017.
Abstract in Portuguese: O semiárido brasileiro é uma região amplamente habitada e historicamente exposta a problemas de escassez de água provocada por condições climáticas instáveis que acarretam em períodos recorrentes de seca. A oferta de recursos hídricos na região permeia decisões que envolvem mudanças nos âmbitos: social, econômicos e ambiental do desenvolvimento local. Após anos de ações centralizadas, definidas e implementadas por meio de processos topdown, nota-se uma crescente participação da população nos processos de tomada de decisão. Este artigo teve como objetivo discutir como o projeto de transposição do Rio São Francisco contextualiza as demandas das comunidades rurais (as principais afetadas pela obra de transposição) no que diz respeito à estrutura agrária, e gestão das águas. Neste cenário, percebe-se a importância de integração de gestores e população na criação de redes unidas pelo interesse não só de uma melhor gestão dos recursos hídricos, como também voltadas para o desenvolvimento sustentável da região através da aplicação de ações promotoras para a boa governança.
Abstract: The Brazilian semi-arid region is a largely inhabited region and historically exposed to problems of water shortage caused by unstable climatic conditions that lead to recurrent periods of drought. The supply of water resources in the region permeates decisions that involve changes in the social, economic and environmental spheres of local development. After years of centralized actions, defined and implemented through topdown processes, there is a growing participation of the population in the decision-making processes. This article aims to discuss how the São Francisco River transposition project contextualizes the demands of rural communities (the main ones affected by the work of transposition) in terms of agrarian structure, and water management. In this scenario, the importance of integration of managers and population in the creation of networks united by the interest not only in a better management of water resources, but also in the sustainable development of the region through the application of actions promoting good governance.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/31907
ISSN: 1809-0583
2317-2606
Appears in Collections:DEA - Artigos publicados em revista científica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_art_ensilva.pdf163,08 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.