Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/31294
Title in Portuguese: Percepção da população urbana sobre a flora e arborização na cidade de Fortaleza-CE.
Author: Pessôa, Cristiana Saraiva
Advisor(s): Freire, Marcelo Moro
Keywords: Arborização das cidades - Fortaleza (CE)
Issue Date: 2017
Publisher: Instituto de Ciências do Mar
Citation: PESSÔA, C. S. (2017)
Abstract in Portuguese: Com a forte expansão das zonas urbanas, o desenvolvimento das cidades se tornou um grande problema ambiental. Alguns dos impactos associados ao acelerado desenvolvimento das metrópoles são a supressão da cobertura vegetal e a substituição de espécies nativas por exóticas nas áreas urbanas. Juntos, esses fatores tendem a distanciar ainda mais os habitantes das metrópoles da biodiversidade natural de cada local. Sendo assim, objetivou-se neste estudo analisar a visão de pessoas na zona urbana da cidade de Fortaleza, estado do Ceará, sobre os benefícios e desvantagens da arborização, incluindo sua qualidade e grau de importância, assim como o conhecimento e preferência que os participantes possuem sobre espécies arbóreas. Para este estudo foram aplicados 100 questionários aos transeuntes da praça Doutor Carlos Alberto Studart Gomes (conhecida como “Praça das Flores”), localizada no município de Fortaleza. O questionário possuía questões abertas e de múltipla escolha, onde foram registrados o nome popular de espécies citadas pelos participantes, a opinião das pessoas sobre a arborização urbana no geral e a qualidade da arborização na cidade de Fortaleza, assim como nos bairros dos participantes. Os resultados mostraram que a maioria dos entrevistados citou mais espécies exóticas do que nativas do Ceará, e que os mesmos reconhecem a importância da presença de árvores na cidade, citando como principais vantagens a presença de sombra, melhoria da qualidade do ar, redução da temperatura e beleza. Entretanto, 55% dos participantes associou a presença de árvores a efeitos negativos ao meio urbano, como a sujeira, necessidade de manutenção constante e os conflitos com as estruturas urbanas. Os dados mostraram ainda que metade das pessoas entrevistadas (50%) considerou a cidade de Fortaleza medianamente arborizada 53% e que 81% dos participantes não possuíam conhecimento sobre os conceitos de espécie exótica a nativa. Com base nos resultados, concluiu-se que os participantes eram mais familiarizados com espécies exóticas do Brasil do que com espécies nativas do Ceará, não valorizando as mesmas para a arborização da cidade. Apesar de reconhecer a importância da arborização no meio urbano, os participantes ainda associam a mesma a diversas desvantagens causada pelo seu mau planejamento. Sendo assim, foi notado que é relevante fazer o uso da Educação Ambiental para conscientizar os habitantes de Fortaleza sobre a necessidade de um bom planejamento da arborização urbana, incluindo dados técnicos sobre o plantio correto de árvores, promovendo ainda a valorização de espécies nativas da região.
Abstract: With the strong expansion of urban areas, the development of cities has become a major environmental problem. Some of the impacts associated with the rapid development of metropolises is the suppression of vegetation cover and the replacement of native species by exotic ones in urban areas. Together, these factors tend to distance the inhabitants of the metropolis from the natural biodiversity of each location. Thus, the purpose of this study was to analyze the vision of people in the urban area of the city of Fortaleza, Ceará state, on the benefits and disadvantages of urban trees planting, including their quality and degree of importance, as well as the knowledge and preference that the participants have on tree species. For this study, 100 questionnaires were applied to pedestrians from the Plaza Carlos Alberto Studart Gomes (known as "Praça das Flores"), located in the city of Fortaleza. The questionnaire had open and multiple-choice questions, in which the popular names of the species cited by the participants were recorded, as well as the opinion of the people about the urban forestation in general and its quality in the city of Fortaleza, as well as in the participants’s neighborhoods. The results showed that most of the participants named more exotic species than native species of Ceará, and that they recognize the importance of the presence of trees in the city, mentioning as main advantages the presence of shade, improvement of air quality, reduction of temperature and beauty. However, 55% of the participants associated the presence of trees with negative effects to the urban environment, such as dirt, need for constant maintenance and conflicts with urban structures. The data also showed that half of the people interviewed (50%) considered the city of Fortaleza to be fairly forested, and that 81% of the participants did not have knowledge about the definition of exotic and native species. Based on the results, it was concluded that the participants were more familiar with exotic species of Brazil than with the native species of Ceará, not valuing them for the public tree planting in the city. In addition, while recognizing the importance of trees to the urban environment, it is still associated with several disadvantages caused by poor planning. Thus, it was noted that it is relevant to make use of Environmental Education to raise the awareness of the inhabitants of Fortaleza about the need for good planning of urban trees planting, including technical data on correct planting of trees, and to promote the appreciation of native species in the region.
Description: PESSÔA, C. S. Percepção da população urbana sobre a flora e arborização na cidade de Fortaleza-CE. 2017. 93 f. Monografia (Graduação em Ciências Ambientais) - Instituto de Ciências do Mar, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2017.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/31294
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:CIÊNCIAS AMBIENTAIS - TCC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_tcc_cspessoa.pdf1,14 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.