Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/28743
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorCosta, Fábio Wildson Gurgel-
dc.contributor.authorBarros, Isadora Daniel-
dc.date.accessioned2017-12-27T12:12:05Z-
dc.date.available2017-12-27T12:12:05Z-
dc.date.issued2017-
dc.identifier.citationBARROS, I. D. Aspectos imaginológicos do canal incisivo mandibular: uma revisão sistemática de estudos de tomografias computadorizadas de feixe cônico. 2017. 37 f. TCC (Trabalho de Conclusão de Curso de Odontologia) - Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2017.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/28743-
dc.description.abstractThe present study aimed to perform a systematic review of the literature on the mandibular incisive canal (MIC) studies using cone-beam computed tomography (CBCT). Materials and Methods: A PROSPERO-registered systematic review (#42017056619) was conducted following the PRISMA statements. A search was performed in PubMed's Medline and Scopus databases, without date or language restrictions, using the algorithm {[(Interforaminal region) OR (mandibular incisive canal) OR (mandibular incisive nerve) OR (mental mandible) OR (anterior mandible) (cone beam computed tomography). Results: A total of 410 articles were found and 25 studies were selected. Geographically, the studies were distributed across 4 continents (South America, North America, Asia, and Europe). From 3084 CBCT exams, the number of female patients was slightly higher than male and the mean age ranged from 29.8 to 59.1 years. The mean prevalence of MIC was 89.6 ± 15.08% and bilateral occurrence was statistically significant (p <0 .0001). Diameter (0.45 and 2.5mm) and length (2.2 to 18.5mm) showed great variability among the included studies. Conclusion: In summary, the results of the present systematic review evidenced a high worldwide prevalence of MIC. There was no prevalence of MIC in relation to gender, and its presence was mainly related to adults between the fourth and sixth decades of life. In addition, great heterogeneity of methodologies was observed.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectEstudos Epidemiológicospt_BR
dc.subjectTomografia Computadorizada de Feixe Cônicopt_BR
dc.subjectRevisãopt_BR
dc.titleAspectos imaginológicos do canal incisivo mandibular: uma revisão sistemática de estudos de tomografias computadorizadas de feixe cônicopt_BR
dc.typeTCCpt_BR
dc.description.abstract-ptbrO presente estudo objetivou realizar uma revisão sistemática da literatura de estudos sobre o canal incisivo mandibular (CIM) por meio de tomografia computadorizada de feixe cônico (TCFC). Materiais e Métodos: Uma revisão sistemática cadastrada na plataforma PROSPERO sob o número 42017056619 foi realizada de acordo com as recomendações do guia PRISMA. Foi feita uma busca nos bancos de dados eletrônicos PubMed's Medline e Scopus, sem restrição de ano e idioma, utilizando-se o algoritmo {[(Interforaminal region) OR (mandibular incisive canal) OR (mandibular incisive nerve) OR (mental nerve) OR (anterior mandible)] + (cone beam computed tomography)]}. Resultados: Foram encontrados 410 artigos, tendo sido selecionados 25 estudos. Geograficamente, os estudos distribuíram-se por 4 continentes (América do Sul, América do Norte, Ásia e Europa). Do total de 3084 TCFC, o número de pacientes do sexo feminino foi discretamente maior que os do sexo masculino e a idade média variou entre 29.8 e 59.1 anos. A idade mínima foi de 11 anos e a máxima, de 89 anos. A prevalência média do CIM foi 89.6 ± 15.08% e a ocorrência bilateral foi estatisticamente significante (p <0.0001). Diâmetro (0.45 a 2.5mm) e comprimento (2.2 a 18.5mm) mostraram grande variabilidade entre os estudos incluídos. Conclusão: Em sumário, os resultados desta revisão sistemática evidenciaram uma alta prevalência mundial do CIM. Não foi constatada prevalência desse reparo anatômico em relação ao sexo, e sua presença foi principalmente relacionada a adultos entre a quarta e sexta décadas de vida. Além disso, observou-se grande heterogeneidade de metodologias.pt_BR
dc.title.enImaging aspects of mandibular incisor canal: a systematic review of studies of concomitant computed tomographypt_BR
Appears in Collections:ODONTOLOGIA - Monografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_tcc_idbarros.pdf1,69 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.