Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/27115
Title in Portuguese: A semiótica da luz na tradução de O Quinze, de Rachel de Queiroz, às telas e a outras páginas
Author: Lovatel, Marília Ribeiro
Advisor(s): Oliveira Júnior, José Leite de
Keywords: Transparência
Opacidade
Tradução fílmica
Transparency
Opacity
Issue Date: 2017
Citation: Lovatel, M. R.; Oliveira Júnior, J. L. (2017)
Abstract in Portuguese: Esta investigação refere-se à tradução intersemiótica do romance O Quinze, obra lançada em 1930 pela escritora Rachel de Queiroz, segundo as categorias da transparência e da opacidade. A análise propõe-se apontar a ocorrência de uma semiótica da luz, motivada pela metáfora da “telha de vidro”, sugerida em poema da referida romancista, no texto traduzido e nos desdobramentos que extrapolam o plano textual de origem. A análise em questão se desenrola em dois níveis. O primeiro é composto pelo desafio que representa a adaptação da obra literária referida para o cinema, passando por sua adaptação para os quadrinhos, para o vídeo e para a TV; e o segundo refere-se às relações literárias dicotômicas de transparência versus opacidade, estudadas dentro do contexto de uma semiótica da luz. Fundamentado na semiótica discursiva de Greimas e seus seguidores, com destaque para Denis Bertrand, Diana Luz Pessoa de Barros e José Luiz Fiorin, e da tradução intersemiótica proposta por Roman Jakobson, este estudo culmina com um levantamento quantitativo e qualitativo da ocorrência da transparência e da opacidade na adaptação fílmica de O Quinze, entendido como tradução do romance homônimo, realizada por Jurandir Oliveira em 2004. A partir do cruzamento dos referenciais teóricos mencionados, da leitura dos textos literário e fílmico, admitindo-se como categoria integradora do estudo comparado a metáfora da telha de vidro, conclui-se que é possível reconhecer tanto a opacidade quanto o efeito de transparência no trabalho de Jurandir Oliveira.
Abstract: This investigation refers to the intersemiotic translation of the novel O Quinze, a work published in 1930 by the writer Rachel de Queiroz, according to the categories of transparency and opacity. The analysis intends to point out the occurrence of a semiotic of light, motivated by the metaphor of the “glass tile”, suggested in a poem by the mentioned novelist, in the translated text and in the developments that extrapolate the original textual plan. The analysis in question develops in two levels. The first one is composed by the challenge that represents the film adaptation of the mentioned literary work, by passing through its adaptation to comic books, video and TV; and the second one refers to the dichotomous literary relations of transparency versus opacity, studied within the context of a semiotic of light. Based on the discursive semiotic of Greimas and his followers, specially Denis Bertrand, Diana Luz Pessoa de Barros and José Luiz Fiorin, and of the intersemiotic translation proposed by Roman Jakobson, this study culminates in a quantitative and qualitative survey of the occurrence of transparency and opacity in the film adaptation of O Quinze, which is understood as a translation of the namesake novel, realized by Jurandir Oliveira in 2004. By crossing the mentioned theoretical references, the reading of the literary and movie texts, by admitting that the metaphor of the glass tile is an integrating category of the compared study, we conclude that it is possible to recognize either the opacity or the transparency effect in the work of Jurandir Oliveira.
Description: LOVATEL, Marília Ribeiro. A semiótica da luz na tradução de O Quinze, de Rachel de Queiroz, às telas e a outras páginas. 2017. 127f. - Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-Graduação em Letras, Fortaleza (CE), 2017.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/27115
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGLE- Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_dis_mrlovatel.pdf.pdf2,54 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.