Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/24468
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorBezerra, Francisco Marcus Lima-
dc.contributor.authorSilva, Cícera Juliana Cruz da-
dc.date.accessioned2017-07-31T14:42:49Z-
dc.date.available2017-07-31T14:42:49Z-
dc.date.issued2016-
dc.identifier.citationSILVA, Cícera Juliana Cruz da. Cultivo do girassol sob diferentes lâminas de irrigação com água salobra. 2016. 68 f. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2016.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/24468-
dc.description.abstractAmong the agronomic production techniques, irrigation is an important ally in agronomic performance, however, one of the great problems of our time is the shortage of water. The global availability of fresh water for irrigation is decreasing due to increasing competition from urban and industrial development, so that the quality of water use less irrigation becomes a challenge and a necessity. In this context, the objective of this research is to evaluate the effect set of four brackish water in the replacement of evapotranspiration in sunflower cultivation, aimed at understanding the best irrigation strategy to minimize the negative impacts of the use of brackish water culture. The experiment will have an experimental randomized block design in split plot, with four replications. The treatments consist in applying four brackish waters in the portion (1.0; 2,5; 4,0 and 5.5 dS m-1), five levels of irrigation ( L1, L2, L3, L4 and L5 equivalent to 50, 75, 100, 125 and 150% of crop evapotranspiration) as subplots. Sunflower seeds were sown in pots 20 liters. The following variables for this research were analyzed: plant height; number of sheets; stem diameter; leaf area; biomass; phytomass partition; outer diameter of the chapter; water consumption, electrical conductivity of water drainage, and gas exchange. The collected data were analyzed by classical descriptive statistics. Were also applied tests to verify the normality of the data and later by analysis of variance, will assess the significance of the F test treatments when denoted significant effect, the qualitative treatments were evaluated as means comparison tests and quantitative data were subjected to regression studies. The growth (plant height, diameter of the outer chapter and leaf area) of sunflower plants suffered no restriction to be exposed to salt and water stress, since the production of biomass (dry weight biomass as a partition) were reduced stress suffered by salinity, as the water factor provided an improvement in the yield of biomass total. A mutual influence of factors salinity and water deficit sharpens the susceptibility of sunflower to high salinity, with increasing blade reduced the effect of the EC lift . Ca nutrient content, Na, Cl, grow positively with the increase of salinity and increased blade irrigation. Since the nutrient K drastically reduces with increasing salinity. The application of saline water during the final phase of the Sunflower cycle inhibits leaf gas exchange, however, the drought exercised a low influence, showing that sunflower and more tolerant irrigation lamina of variation in the different stage of development without causing a lot of damage in the photosynthetic process. The application of different strategies for irrigation management with brackish water in the most severe form could have led to more significant differences in the results obtained. Thus, it is suggested that further studies are conducted under different intensities of water stress throughout the different development stages of the crop. The use of irrigation with brackish water slides, provides an increase in the volume of water for the irrigation in semiarid regions.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectHelianthus annuus Lpt_BR
dc.subjectSalinidadept_BR
dc.subjectNecessidade hídricapt_BR
dc.titleCultivo do girassol sob diferentes lâminas de irrigação com água salobrapt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.description.abstract-ptbrDentre as técnicas agronômicas de produção, a irrigação é uma aliada importante no desempenho agronômico, entretanto, uns dos grandes problemas da atualidade é a escassez de água. A disponibilidade mundial de água doce para irrigação está diminuindo, de forma que o uso de água de qualidade inferior na irrigação se torna um desafio e uma necessidade. Nesse contexto, o objetivo desta pesquisa é avaliar o efeito conjunto de quatro águas salobras na reposição da evapotranspiração na cultura do girassol, visando o entendimento acerca da melhor estratégia de irrigação para minimizar os impactos negativos do uso de água salobra na cultura. O experimento teve como delineamento experimental blocos ao acaso no esquema de parcelas subdivididas, com quatro repetições. Os tratamentos consistiram na aplicação de quatro águas salobras na parcela (1,0; 2,5; 4,0 e 5,5 dS m-1 ), cinco níveis de irrigação (L1, L2, L3, L4 e L5 equivalentes a 50; 75; 100; 125 e 150% da evapotranspiração da cultura) na subparcela. As sementes de girassol foram semeadas em vasos de 20 litros. Para avaliação da pesquisa foram analisadas as variáveis: altura de plantas; número de folhas; diâmetro do caule; área foliar; fitomassa; partição de fitomassa; diâmetro capítulo; teor de proteína; teores de nutriente Ca, Na, Cl, K e trocas gasosas. Os dados coletados foram analisados pela estatística descritiva clássica. Foram aplicados também, testes para verificar a normalidade dos dados e posteriormente, mediante análise de variância, avaliou-se a significância dos tratamentos pelo teste F. Quando denotado efeito significativo, os tratamentos de natureza qualitativa foram avaliados conforme testes de comparações de médias e os dados de natureza quantitativa foram submetidos aos estudos de regressão. O crescimento (altura da planta, diâmetro do capitulo externo e área foliar) das plantas de girassol não sofreu restrição ao ser expostas a estresse salino e hídrico, já a produção de biomassa (massa seca de fitomassa como sua partição) sofreram redução ao estresse sofrido pela salinidade, já o fator hídrico proporcionou uma melhora no rendimento da fitomassa total. A influência mútua dos fatores salinidade e déficit hídrico aguça a susceptibilidade do girassol a elevação da salinidade, ou seja, com a elevação da lâmina diminuiu o efeito da elevação da CE. Os teores de nutriente Ca, Na, Cl, crescem positivamente com o acréscimo da salinidade e aumento da lâmina de irrigação. Já o nutriente K reduz drasticamente com o aumento da salinidade. A aplicação de água salina durante a fase final do ciclo do girassol inibiu as trocas gasosas foliares, entretanto, o déficit hídrico exerceu uma baixa influência, mostrando que o girassol é mais tolerante a variação da lâmina de irrigação nas diferentes fases de seu desenvolvimento sem acarretar muitos danos no processo fotossintético. A aplicação de estratégias diferenciadas de manejos de irrigação com águas salobras na forma mais severa poderia ter conduzido a diferenças mais significativas nos resultados obtidos. Desta forma, sugere-se que estudos posteriores sejam conduzidos sob diferentes intensidades de déficits hídricos ao longo dos diferentes estádios de desenvolvimento da cultura. A utilização de lâminas de irrigação com águas salobras proporciona um aumento no volume de água destinado à irrigação em regiões semiáridas.pt_BR
dc.title.enSunflower cultivation under different irrigation sheets with salobra waterpt_BR
Appears in Collections:PPCS - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016_dis_cjcruzsilva.pdf1,48 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.