Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/15329
Title in Portuguese: Análise das Condições de Vida no Território Rural Planície Litorânea no Estado do Piauí
Author: Lima, Maria de Jesus Gomes de
Advisor(s): Reis, José Newton Pires
Co-advisor(s): Assis, Edivania Gomes de
Keywords: Território rural
Planície litorânea
Condição de vida
Piauí
Issue Date: 2014
Citation: LIMA, Maria de Jesus Gomes de. Análise das Condições de Vida no Território Rural Planície Litorânea no Estado do Piauí.2014. 81 f.: Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Departamento de Pós-Graduação em Economia Rural, Fortaleza-CE, 2014.
Abstract in Portuguese: O termo Condição de Vida é um conceito eminentemente subjetivo, uma vez que, na sua concepção, estão aspectos relacionados com o atendimento de necessidades vitais básicas. O atendimento dessas necessidades garante aos indivíduos melhores condições de vida e bem-estar. Portanto, a condição de vida refere-se aos fatores externos ao sujeito que proporcionam seu bem-estar. Então, há necessidade de se avaliar as políticas públicas para o desenvolvimento, se está surtindo efeito sobre a ótica do produtor no Território Rural Planície Litorânea. Nesse sentido, este trabalho teve como objetivo analisar as condições de vida no território rural Planície Litorânea, bem como sua caracterização socioeconômica, verificação dos fatores, características e efeitos do desenvolvimento no território e o índice de condição de vida (ICV). Como metodologia, os dados utilizados na pesquisa foram obtidos com a aplicação de questionários junto aos domicílios rurais, visando identificar, segundo a percepção dos atores locais, o Índice de Condição de Vida (ICV). Para construção do Índice de Condição de Vida (ICV) utilizou-se o excel e o IBM SPSS para analisar as características socioeconômicas. Dentre os principais resultados, pode-se destacar que a população se caracteriza com quantidade de membros por família que está na média nacional; a taxa de analfabetismo é elevada (50%); condições de saneamento básico são precárias e o acesso à água potável também. Houve melhorias econômicas, sendo perceptível em virtude do acesso a bens de consumo e aumento da renda; constataram-se dois tipos de domicílios: com produção e sem produção, onde o ICV obtido no território foi 0,491 (domicílios com produção) e 0,537 (domicílios sem produção), ambos considerados Médios segundo a base de cálculo do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA). A variável que teve maior contribuição foi a permanência das famílias na unidade de produção (20,6%). Conclui-se, portanto, que as políticas públicas de desenvolvimento territorial estão surtindo efeitos, de acordo com a percepção dos produtores inseridos no território rural Planície Litorânea.
Abstract: The term living conditions is a highly subjective concept, since, in their design, are aspects of the provision of basic necessities of life. The under-standing the needs of these individuals to ensure better living conditions and well-being. Therefore, the condition of life refers to the external subject who provide their well-being factors. So no need to evaluate public policies for the development, it is having an effect on the view of the producer Coastal Plain Rural Planning. This study aimed to examine the living conditions in rural areas Coastal Plain, as well as their socioeconomic characterization, verification of factors, characteristics and effects of development in the area and the living conditions index (LCI). As methodology, the data used in this study were obtained with the use of questionnaires with rural households, to identify, according to the perceptions of local actors, the Condition Index (LCI). For construction of Condition Index (LCI) used the excel and IBM SPSS to analyze the socioeconomic characteristics. Among the main results, it can be noted that the population is characterized with quantity of members per family which is the national average; the illiteracy rate is high (50%); sanitation conditions are poor and access to drinking water as well. There was economic improvements, with noticeable because of access to consumer goods and increased income; found two types of households: with production and no production, where the ICV obtained in the territory was 0,491 (households with production) and 0,537 (households without production), both considered Midi according to calculation basis of the Ministry of Agrarian Development (MDA). The variable with the greatest contribution was the residence of the families on the farm (20.6%). Therefore it is concluded that the public territorial development policies are having effects, according to the perception of the producers inserted in rural areas Coastal Plain.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/15329
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DEA - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_dis_mjglima.pdf1,39 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.