Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/14625
Title in Portuguese: Práxis comunicativa no Antônio Bezerra: das memórias do vivido às imagens do bairro e de si que os moradores constroem
Title: Communicative praxis in Antonio Bezerra: lived of memories to the neighborhood and si images that residents building
Author: Oliveira, Klycia Fontenele
Advisor(s): Oliveira, Catarina Tereza Farias de
Keywords: Comunicação e cultura
Antônio Bezerra (Fortaleza,CE) – Aspectos sociais
Memória – Aspectos sociais
Images and self images
Memory reports
Issue Date: 2015
Publisher: www.teses.ufc.br
Citation: Oliveira, K. F.; Oliveira, C. T. F. (2015)
Abstract in Portuguese: Esta pesquisa de Mestrado reflete sobre como práticas socioculturais constituem-se como práxis comunicativa para, assim, identificar e compreender processos de construção das imagens que moradores e os comunicadores do Antônio Bezerra fazem sobre o bairro, sobre as experiências comunicativas e sobre si. Último bairro do lado noroeste de Fortaleza e integrante da Secretaria Executiva Regional – SER III, o Antônio Bezerra é o cenário do site BAB (), da rádio comunitária Costa Oeste 87,9 FM, e da antiga Rádio Comunitária Antônio Bezerra, 103,5 FM. Experiências comunicativas, vividas por moradores do bairro, que se distanciam da comunicação orientada pelo mercado. Como objetivos específicos, busca-se identificar os processos que contribuem para a construção de identificações sociais; compreender como as imagens sobre o bairro, que os moradores constroem, dialogam com as imagens que eles têm de si, das radiocom e do site e encontrar os contrapontos e aproximações entre essas imagens e autoimagens, refletindo sobre como a elaboração dessas representações e as ligações afetivas com o lugar afetam-se mutuamente. Para tanto, optou-se por uma metodologia que dialoga com os princípios da cartografia ao compreender que toda pesquisa mais intervém do que representa a realidade investigada; haja vista a inexistência de neutralidade no conhecimento. E que, para compreender um determinado objeto, é preciso ser flexível diante dos fenômenos estudados, entendendo que a pesquisa científica é feita de encontros que atingem, provocam e transformam tanto pesquisador como objeto, especialmente quando este objeto é formado por pessoas. Utiliza-se, ainda, a memória como principal estratégia metodológica, associada à entrevista de história oral, concebida de forma dialógica quando vivenciada como prática de interação social. Visto que os resíduos das ações cotidianas, retidos na memória, contribuem para a elaboração das representações de si (e do outro) que, por sua vez, guiam as identificações sociais, ou seja, definem diferenças e identidades. Os relatos de memória contribuem, então, para que o indivíduo defina seu lugar social e as relações que mantém com os outros e com as coisas do mundo. Por fim, embora se compreenda a investigação científica como um processo contínuo, este estudo infere que os moradores do Antônio Bezerra – no caso, moradores cujas famílias moram no bairro há tempos e que integram a rede de contatos desta pesquisa – mantêm forte elo de afetos com o bairro, criado pelo convívio de quem habita o mesmo lugar há décadas. Essa ligação resulta em imagens positivas sobre o bairro, contrariando os estigmas sociais que assolam um bairro de periferia. Apesar dos péssimos índices de criminalidade e baixos indicadores sociais, o bairro é visto como um bom lugar para viver, pacato, com características próximas à vida do interior, indo na contramão do frenético ritmo metropolitano. Já os comunicadores se percebem como moradores que valorizam e defendem o Antônio Bezerra, enquanto as experiências comunicativas carregam imagens distintas. O BAB e a 103,5 seriam veículos que se importam com as questões do bairro, enquanto a fase atual da Costa Oeste teria uma imagem negativa, de uma emissora que se distanciou da comunidade.
Abstract: This Master’s research discusses about how sociocultural practices are communicative praxis to thereby identify and understand the processes of construction of the images that the dwellers and communicators of Antonio Bezerra district make of the neighborhood, about their communicative experiences and about themselves. Last district of the northwest of Fortaleza and part of Regional Executive Office – SER III, Antonio Bezerra is the scenario of the website , the community radio station Costa Oeste 87,9 FM, and the old Radio Comunitaria Antonio Bezerra, 103,5 FM. Communicative experiences, lived by the neighborhood residents, who get far from the market-guided. As specific objectives, we aim to identify the processes that contribute to the construction of social identifications; understand how the images about the neighborhood, constructed by the residents, dialogue with the images they have about themselves, of the radiocom and the website and find the counterpoints and the similarities between these images and self images, reflecting on how the elaboration of these representations and the affective liaisons of the communicators with the place affect each other mutually. We chose a methodology that uses the cartography principles understanding that every research intervenes more than represents the reality investigated, given the lack of neutrality in knowledge. And to understand a given object, it’s necessary to be flexible before the phenomena studied, understanding that the scientific research is made of meetings that reach, provoke and transform the researcher and the object, especially when this object is made of people. We use the memory as the main methodological strategy, associated to the interview of oral story, conceived in a dialogical form when experienced as social interaction practice. The residues of the everyday actions, retained in memory, contribute to the elaboration of the self representations (and the others’) that guide the social identifications, define differences and identities. The reports by memory contribute, then, for the individual to define his place and the relationships that keep with the others and the things. Finally, although the scientific investigation is a continuous process, this study infers that the Antonio Bezerra residents – inhabitants whose families live in the district for a long time and who are part of a net of contacts of this research – keep a strong link of affect with the district, created by living together with people who live at the same place for decades. This link results in positive images of the district, contradicting the social stigma that reach the poor neighborhoods. In spite of the bad indices of criminality and low social indicators, the district is seen as a good and calm place to live, with features close to the country life, against the frenetic metropolitan rhythm. The communicators see themselves as residents who value and defend Antonio Bezerra neighborhood, whereas the communicative experiences carry different images. BAB and 103,5 are means that worry about the district issues, while the current phase of Costa Oeste has a negative image, as a radio station that got apart from the community.
Description: OLIVEIRA, Klycia Fontenele. Práxis comunicativa no Antônio Bezerra: das memórias do vivido às imagens do bairro e de si que os moradores constroem. 2015. 255f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Comunicação Social, Fortaleza (CE), 2015.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/14625
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGCOM - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015_dis_kfoliveira.pdf2,91 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.