Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/13962
Title in Portuguese: Gestão de resíduos sólidos em aldeias indígenas: estudo de caso do distrito sanitário especial Indígena Ceará
Title: Solid waste management in indigenous villages: a case study of the special health district indigenous Ceará
Author: Lima, Renato de Oliveira
Advisor(s): Stefanutti, Ronaldo
Keywords: Saneamento
Resíduos sólidos
Educação ambiental
Residuos de serviços saúde
Saúde ingígena
Issue Date: 18-Sep-2015
Citation: LIMA, R. O. Gestão de resíduos sólidos em aldeias indígenas: estudo de caso do distrito sanitário especial Indígena Ceará. 2015. 142 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Civil: Saneamento Ambiental)-Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2015.
Abstract in Portuguese: A gestão de resíduos sólidos em aldeias indígenas é um tema pouco estudado, porém de grande relevância para a sociedade, tanto no que diz respeito a essas populações repletas de especificidades, como no que diz respeito ao meio ambiente, pois, apesar de serem sociedades difusas, cada vez mais sua contribuição na geração de resíduos vem aumentando. Este trabalho tem como objetivo principal diagnosticar a situação existente dos resíduos sólidos domiciliares e de serviços de saúde nas aldeias Central, Nova e Santo Antônio, em Maracanaú, Lagoa Encantada, em Aquiraz, e Varjota, Tapera, Batedeira e Batedeira II, na Itarema, no estado do Ceará, propondo técnicas viáveis de redução da geração dos resíduos e de disposição final ambientalmente adequada. Para caracterizar o ambiente da saúde indígena em estudo, foi apresentado um histórico desde as primeiras ações de proteção à saúde do índio até os dias de hoje, com a Secretaria Especial de Saúde Indígena - SESAI. Como metodologia de trabalho, foram realizadas visitas às aldeias, aplicação de questionários, estudos de composição dos resíduos, entrevista com os responsáveis pelo gerenciamento nas prefeituras e análises estatísticas dos dados obtidos. Como resultados, foi observado que não existe coleta para os resíduos domiciliares na maioria das aldeias, porém os resíduos de serviços de saúde são coletados corretamente. Aquiraz e Maracanaú possuem aterro sanitário e Itarema, lixão. A principal forma de destinação dos resíduos nas aldeias é a queimada e existe a presença de vetores de doenças na maioria das residências. Os resíduos passíveis de logística reversa não são destinados de forma correta. As aldeias possuem números elevados de residências com criação de animais e cultivo de plantações. Quanto à educação ambiental, o conceito de reciclagem é mais conhecido que o conceito de compostagem. A prática da segregação dos resíduos não é comum nas aldeias. A geração per capita de resíduos domiciliares está entre 0,60 e 0,80 kg/hab./dia. Como conclusões, os municípios de Maracanaú e Aquiraz possuem estrutura suficiente para atender as aldeias quanto ao gerenciamento dos resíduos, porém Itarema deve ser melhor analisada. Nas aldeias devem ser realizadas ações de educação ambiental, visando à preparação da população para implantação de programas de coleta seletiva e compostagem. O Agente Indígena de Saneamento - AISAN é um profissional que, corretamente capacitado, pode ser de grande apoio à gestão de resíduos sólidos nas aldeias indígenas. Por fim, como recomendação, devem ser realizados mais trabalhos com essa mesma metodologia, pois são poucos e esses trabalhos devem ser ampliados para mais aldeias do Ceará, como para aldeias de outros Distritos Sanitários Especiais Indígenas - DSEI. A parceria entre DSEI e prefeituras é de grande valia, pois só assim, todas as etapas do gerenciamento poderão ser executadas, garantindo um ambiente saudável e qualidade de vida às populações indígenas.
Abstract: The management of solid waste in Indian villages is a little studied topic, but in great relevance to society, both with regard to these populations full of specificities, as with regard to the environment because, although societies diffuse, increasing their contribution to the generation of waste is increasing. This one work has as main objective to diagnose the situation of solid waste home and health services in the villages Central, New and St. Anthony in Maracanaú, Enchanted Lagoon, in Singapore, and Varjota, Tapera, Blender and Mixer II, Itarema, in Ceara state, proposing reduction of viable techniques of waste generation and of environmentally sound disposal. To characterize the environment of indigenous health study, a history was presented from the first protective actions to the health of Indian to this day, with the Special Secretariat of Indigenous Health - SESA. The methodology work, visits were made to villages, questionnaires, studies composition of the waste, interviews with those responsible for managing the prefectures and statistical analysis of the data obtained. As a result, it was observed that there gathering for household waste in most villages, but the waste of health services They are collected correctly. Aquiraz and Maracanaú have landfill and Itarema, dump. THE main form of waste disposal in the villages are burnt and there is the presence of disease vectors in most homes. Wastes that might not reverse logistics They are aimed correctly. The villages have high numbers of homes with breeding and growing crops. As for environmental education, the concept of Recycling is further known that the concept of composting. The practice of segregation waste is not common in the villages. The per capita generation of household waste is among 0.60 and 0.80 kg / inhab. / Day. As conclusions, the municipalities of Maracanaú and have Aquiraz structure sufficient to meet the villages on the management of waste, but Itarema must be better analyzed. In the villages educational actions must be performed environmental, designed to prepare the population for implementing collection programs selective and composting. The Sanitation Indigenous Agent - AISAN is a professional, properly trained, can be of great support to solid waste management in the villages indigenous. Finally, as a recommendation should be made more work with this same methodology as they are few and the work is to be extended to more villages Ceará, and for other villages of Special Indigenous Health Districts - DSEI. THE DSEI and partnership between municipalities is of great value, for only then, all stages of management may be performed, ensuring a healthy environment and quality of life indigenous peoples.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/13962
Appears in Collections:DEHA - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015_dis_rolima.pdf4,12 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.