Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/13034
Title in Portuguese: Afetos em construção: narrativas e processos de apropriação do espaço pelos moradores da Cidade 2000
Author: Ribeiro, Lucíola Limaverde
Advisor(s): Bomfim, Zulmira Áurea Cruz
Keywords: Environmental psychology
Esteem for the place
Moradores da cidade – Cidade 2000 (Fortaleza,CE) Aspectos psicológicos
Afeto(Psicologia)
Psicologia ambiental – Cidade 2000 (Fortaleza,CE)
Espaços públicos – Aspectos sociais – Cidade 2000 (Fortaleza,CE)
Issue Date: 2015
Publisher: www.teses.ufc.br
Citation: RIBEIRO, L. L.; BOMFIM, Z. A. C. (2015)
Abstract in Portuguese: Esta dissertação investiga os afetos de moradores da Cidade 2000 em relação ao ambiente onde vivem. Buscamos identificar e analisar nas narrativas dos moradores os afetos com o bairro para compreender os processos de apropriação do espaço e estima de lugar. A Cidade 2000 é um conjunto habitacional construído na zona leste de Fortaleza na década de 1970. O aspecto interiorano da Cidade 2000 condiz com a natureza de sua população, em parte composta por migrantes que vieram do sertão para a capital ao longo do século XX. Antes isolada da cidade e encravada em meio a uma área não habitada, a Cidade 2000 acabou por se inserir na malha urbana da capital com a expansão de Fortaleza na direção leste. Nesta investigação, utilizaram-se os aportes teóricos da psicologia social e ambiental, tendo como base a categoria afetividade em uma perspectiva histórico-cultural, a partir da teoria de Spinoza, Vygostsky e Sawaia. A relação entre a afetividade e o lugar foi compreendida considerando a estima de lugar, conceito que avalia sentimentos e emoções potencializadoras e despotencializadoras na relação pessoa-ambiente. A metodologia utilizada foi a de entrevistas narrativas realizadas com cinco moradores que vivem na Cidade 2000 desde a década de sua inauguração, os anos 1970. Os entrevistados, sendo três do sexo masculino e dois do feminino, tinham idade entre 46 e 85 anos. Os resultados da pesquisa apontaram para a existência de afetos potencializadores que propiciaram avaliar a presença de uma relação de pertencimento entre os narradores e o bairro pela sensação de segurança, afeto este que facilita processos de apropriação e de identificação com os espaços públicos por parte dos moradores. Enquanto a metrópole Fortaleza se agiganta, gerando uma pressa e um medo, um distanciamento que nos afasta da cidade e uns dos outros, na Cidade 2000 as pessoas ainda param para viver a cidade, ocupando as praças, ruas e calçadas, conversando até tarde da noite. Apesar de ter sido relativamente pequena a amostra de moradores ouvidos, a partir das falas desses entrevistados pode-se inferir uma estima de lugar positiva, colocando a experiência da Cidade 2000 como um exemplo de destaque dentro do contexto urbano.
Abstract: This research investigates the affects between the interviewees and the environment where they live, a neighbourhood called Cidade 2000. We aim to identify and analyse, in the narratives of the residents, the affects about the neighbourhood to understand the processes of appropriation of space and esteem for the place. Cidade 2000 is a housing project built on the eastern periphery of Fortaleza in the 1970s. The countryside atmosphere of Cidade 2000 is consistent with the nature of its population, partly made up of migrants who came from the countryside to Fortaleza during the twentieth century. In the past it was isolated from the city and nestled amid an uninhabited area, then called Sítio Cocó. Following the expansion of Fortaleza eastwards Cidade 2000 turned out to be absorbed by the urban area of the capital. The theoretical background of this work was to use concepts of social and environmental psychology, having as the basis the concept of affectivity, from the theory of the authors Spinoza, Vygotsky and Sawaia. The discussion about affectivity and space was based on the concept of esteem for the place, which evaluates empowering and disempowering feelings and emotions in the relationship between person and environment. Narrative interviews were utilised as the methodology. They were conducted with five residents who have been living in Cidade 2000 since the decade of its opening in the 1970s. The interviewees were three males and two females, aged between 46 and 85 years. The results of the research point to a place attachment between the interviewees and their neighbourhood in which one can infer the existence of a sense of security that allows a feeling of belonging and identification by the locals with the public spaces. While Fortaleza as a metropolis grows, generating a fast pace of life, fear and a gap that separates us from the community and from each other, at Cidade 2000 people still stop to experience the city, occupying squares, streets and sidewalks, staying there until late into the night. Despite the small number of interviewees, it can be inferred from the narratives a positive esteem for the place, putting Cidade 2000’s experience as an outstanding example within the urban development context.
Description: RIBEIRO, Lucíola Limaverde. Afetos em construção: narrativas e processos de apropriação do espaço pelos moradores da Cidade 2000. 2015. 114f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Psicologia, Fortaleza (CE), 2015.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/13034
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGP - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015_dis_llribeiro.pdf2 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.