Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/12382
Title in Portuguese: Espectroscopia Raman de policristais de clorohidrato de L-cisteína sob altas pressões
Author: Coelho, Marcelo Nunes
Advisor(s): Freire, Paulo de Tarso Cavalcante
Keywords: Espectroscopia Raman
L-cisteína
Aminoácidos
Ligação de Hidrogênio
Issue Date: 2010
Citation: COELHO, M. N. Espectroscopia Raman de policristais de clorohidrato de L-cisteína sob altas pressões. 2010. 64 f. Dissertação (Mestrado em Física) - Centro de Ciências, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2010.
Abstract in Portuguese: Neste trabalho foi feito o estudo do comportamento dos modos vibracionais presentes nos espectros Raman de policristais de cloridrato de L-cisteína, submetidos a condições diversas de press~ao entre 0 e 6,86 GPa. Para as medidas de pressão foi utilizada uma célula de pressão com extremos de diamante do tipo National Bureau of Standard. Veri ficou-se uma mudança significativa em praticamente todas as regiões do espectro Raman da amostra, por volta de 0,8 GPa, inclusive na região relacionada aos modos da rede. Essa alteração nos espectros é um indicativo de que uma transição de fase estrutural ocorreu nesse valor de pressão. Neste valor de pressão também foi observado o surgimento de uma banda que foi associada a uma vibração de estiramento CC e uma banda entre 3300 e 3400cm-1. Entre 1,66 e 2,31 GPa ocorrem mudanças em alguns modos internos, embora não estejam associadas a alguma transicão de fase. Veri cou-se também, que algums espectros apresentam mudanças suaves entre 3,5 e 4,5 GPa. Embora elas não ocorram na região dos modos externos e, portanto, não estejam associadas à mudança de simetria do cristal. Finalmente, fazendo-se um estudo de descompressão, compreende-se que a transição de fase é reversível.
Abstract: In this work we have studied the behavior of the vibrational modes (presentes) in the Raman spectra of policristals of L-cisteína.HCl, submited to severals pressure condictions between 0 and 6.86 GPa. For the pressure measure we have utilized a pressure cell with diamond extremes of the type National Burean Standard. We verify a significative change in practically all regions of the Raman spectra of the sample, around 0.8 GPa, inclusively in the region relationed to the lattice modes. This change in the spectra is a indicative of that a structural phase transition has ocurred in this pressure value. We also observe the arise of a band that was associated to a CC stretch vibrational and a band between 330 e 3400 cm−1 . Between 1.66 e 2.31 GPa, changes ocurried in some interne modes, however (não estejam) associated to some phase transition. We verify too, that some spectra presents smooth changes between 3.5 e 4.5 GPa. But, this changes don´t ocurred in the region of the lattice modes and so, we don´t associated it to symmetry crystal change. Finally, we make a study of descompression, we verify that the phase transition is reversible.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/12382
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DFI - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2010_dis_mncoelho.pdf7,24 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.