Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/11201
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorStudart, Ticiana Marinho de Carvalho-
dc.contributor.authorSouza, Danilo Nogueira de-
dc.contributor.authorLuna, Renata Mendes-
dc.contributor.authorCampos, José Nilson Beserra-
dc.contributor.authorPinheiro, Maria Inês Teixeira-
dc.date.accessioned2015-03-31T17:30:58Z-
dc.date.available2015-03-31T17:30:58Z-
dc.date.issued2009-
dc.identifier.citationSTUDART, T. M. C. [et al.]. Análise da variabilidade temporal da evapotranspiração com o método de Penman-Monteith utilizando dados diários de PCDS em Fortaleza-Ceará. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE RECURSOS HÍDRICOS, 18., 2009, [s. l.] Anais... ABRH, 2009.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/11201-
dc.description.abstractThis paper estimates the evapotranspiration using Penman-Monteith method with daily data from DCP (Automatic Data Collection Platform), in Fortaleza, Ceará. One of the main objective is to evaluate its temporal variability and there is significant error in evaluate this phenomenon using average values of its input variable (e.g. data from Normais Climatológicas (INMET, 1990). The results show that there isn’t too much variability. Once the Normais doesn’t present wind velocity, it was also evaluated the performance of two other traditional methods such as Hargreaves e Thornthwaite. The results show a lot of difference in the results of the three methods.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.publisherSimpósio Brasilleiro de Recursos Hídricospt_BR
dc.subjectEvapotranspiraçãopt_BR
dc.subjectVariabilidadept_BR
dc.titleAnálise da variabilidade temporal da evapotranspiração com o método de Penman-Monteith utilizando dados diários de PCDS em Fortaleza-Cearápt_BR
dc.typeOtherpt_BR
dc.description.abstract-ptbrNo presente trabalho estima-se a evapotranspiração pelo Método de Penman-Monteith utilizando-se dados diários de Plataforma Automática de Coleta de Dados, localizada em Fortaleza, Ceará. Um dos principais objetivos é analisar a variabilidade temporal deste fenômeno e verificar a ocorrência de erros significativos ao estimá-la utilizando valores médios mensais para suas variáveis de entrada (por exemplo, usar dados das Normais Climatológicas (INMET, 1990)). Os resultados de Fortaleza, para os anos de 2004 a 2008, mostram que há pouca variabilidade temporal dos seus valores diários e mensais. Uma vez que o método em questão utiliza como variável de entrada a velocidade do vento e esta não é disponibilizada nas Normais, avaliou-se o desempenho de métodos tradicionais como Hargreaves e Thornthwaite comparados ao Penman-Monteith. Os resultados mostram que as estimativas com os dois métodos diferem em muito dos valores obtidos com o Penman-Monteith para Fortaleza.pt_BR
Appears in Collections:DEHA - Trabalhos apresentados em eventos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2009_eve_jnbcampos_analise.pdf196,92 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.