Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/10704
Title in Portuguese: O regime de vazões anuais dos rios intermitentes na Bacia do Rio Jaguaribe: análise da autocorrelação das vazões anuais
Author: Campos, José Nilson Beserra
Studart, Ticiana Marinho de Carvalho
Pinheiro, David Teixeira
Keywords: Autocorrelação
Rios do Semiárido
Correlação serial
Issue Date: 2012
Publisher: SIMPÓSIO DE RECURSOS HIDRÍCOS DO NORDESTE
Citation: CAMPOS, J. N. B.; STUDART, T. M. C.; PINHEIRO, D. T. O regime de vazões anuais dos rios intermitentes na Bacia do Rio Jaguaribe: análise da autocorrelação das vazões anuais. In: SIMPÓSIO DE RECURSOS HIDRÍCOS DO NORDESTE, 11., 2012, João Pessoa. Anais... João Pessoa: ABRH, 2012. p. 01-08.
Abstract in Portuguese: O método de matriz de transição aplicado em planos e estudos hidrológicos de reservatórios no Estado do Ceará tem como hipótese que as vazões afluentes anuais são serialmente independentes. Para testar essa hipótese foram selecionados 42 reservatórios da bacia do rio Jaguaribe estudados no Plano de Gerenciamento das Águas da bacia do rio Jaguaribe. As séries de vazões temporais foram submetidas a dois testes de hipótese de independência serial: o teste não paramétrico de Wald Wolfowitz e o teste de Anderson, ambos com um nível de confiança de 95%. Dos 42 reservatórios estudados, 41 aceitaram a hipótese de independência dos deflúvios anuais. A rejeição da hipótese de independência de apenas um em 42 reservatórios (2,3%) é perfeitamente aceitável como uma flutuação amostral. Dessa forma a hipótese de independência serial dos deflúvios anuais dos rios intermitentes do Semiárido é comprovada pelas evidências empíricas.
Abstract: The transition matrix model applied in water plans and reservoir hydrological studies in Ceará state has as assumption that river’s annual discharges are serially independents. To test this assumption, 42 reservoirs from Ceará state studied in Jaguaribe River Basin Water Plan were selected. Two statistical hypotheses tests were applied to the time series: the non parametric Wald Wolfowitz and the Anderson test, both at 95% confidence level. The Wald Wolfowitz test accepted the hypothesis of no serial correlation on all the 42 reservoirs. For the Anderson test, in 41 the null hypothesis of no serial correlation was accepted. The rejection of just one series, representing 2.3% of the sample, is totally acceptable as sample fluctuation considering the 5% significance level. So, as conclusion the assumption of no serial dependence on annual discharges of Brazilian semiarid intermittent rivers is empirically proved.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/10704
Appears in Collections:DEHA - Trabalhos apresentados em eventos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2012_eve_jnbcampos.pdf137,61 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.